Blog

Onde anda você, Ex-aluno?

Vitor Kacser – Eletrônica 1973:

O ORT foi um divisor de águas na minha vida, primeiro um ambiente propício para o desafio intelectual, com professores qualificados, que me instigaram a pensar além dos livros. Professores competentes conseguiram motivar a turma na busca de conhecimento, e aqueles que não quiseram seguir um ensino superior, saíram do ORT aos 18 anos prontos para o mercado de trabalho (hoje a escola técnica esta sendo muito valorizada).

Me formei em 1973, claro, outra época, era o Milagre Econômico, bem preparado fui aprovado para trabalhar na Light, Petrobras ou IBM. Como gostava muito de lógica e queria ficar no Rio de Janeiro, escolhi a IBM. Fui o melhor colocado nas provas de admissão para Representante de Serviços Técnicos de Hardware. Passei por diversas posições técnicas, inclusive numa designação Internacional em N.York nos Laboratórios de Desenvolvimento por 3 anos. Em paralelo fiz o curso de Engenharia Eletrônica, que completei antes de sair do Brasil.

Voltei ao Brasil promovido a Gerente de Logística, depois Qualidade, Suporte a Software, Filial Nordeste, S.Catarina, Rio, Brasilia, Estratégia de Serviços, Executivo do projeto SIVAM, Marketing, Vendas para America Latina. Decidi deixar a IBM depois de 25 anos devido à oferta para assumir a Presidência da Equant/Orange.

Depois desta carreira Executiva em empresas Multinacionais de Tecnologia, e reconhecendo a importância do capital humano, fui ser Diretor Regional da “Right Management” que faz desenvolvimento de Liderança.

A atração pelo mercado de tecnologia me levou mais uma vez a este mercado, desta vez como Diretor de Marketing, Vendas e Operações nas empresas Contraste, Clari e PBTI. Hoje tenho uma Consultoria que atua em diversas áreas.

Ao reconhecer que grande parte do sucesso na minha trajetória posso creditar ao ORT, coloquei os meus filhos para estudarem no ORT em Informática e todos eles reconhecem a importância do ORT na vida deles como estudantes e profissionais.

Vitor.

Clique aqui e veja outros depoimentos

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.